skip to Main Content
“HOLLYWOOD SMILE” A História Por Trás Deste Famoso Tratamento!

“HOLLYWOOD SMILE” a história por trás deste famoso tratamento!

Desde o marfim até à cerâmica, qual foi o percurso até chegarmos ao que hoje em dia se chama de Hollywood Smile.

Hoje em dia o tratamento mais adequado, mais bonito e duradouro para dentes partidos ou bastante danificados é a realização de facetas dentárias em cerâmica. No nosso dia a dia executamos trabalhos em cerâmica para coroas sobre dentes, pontes sobre dentes ou sobre implantes, coroas sobre implantes, onlays (parte do dente restaurado com cerâmica), próteses completas fixas sobre dentes e as facetas dentárias.

Estes são tratamentos dentários que se executam há centenas de anos mas, em comparação com a realização de coroas que são usadas desde o ano 200dC, as facetas dentárias são um procedimento relativamente recente.

A estética em medicina dentária está a ser praticada há milhares de anos. Antigamente para tratar dentes partidos ou danificados o tratamento passava pelo preenchimento com uma resina composta de cor aproximada ao dentes ou simplesmente não tratavam.

Algumas civilizações antigas em 700aC usavam marfim, ossos e dentes de seres humanos ou animais para dentaduras e em 200dC passou a usar-se ouro para coroas. Os Egípcios costumavam esfregar as manchas dos dentes com pedra-pome e vinagre para parecerem mais brancos e saudáveis. Mais tarde, nos anos 1400, os barbeiros realizavam serviços de higiene dentária e branqueamento dentário com um ácido que acabava por destruir o esmalte dos dentes.

Foi por volta de 1770 que as primeiras próteses de cerâmica foram feitas o que veio despertar nas pessoas uma necessidade de melhorarem a sua estética dentária desejando tratamentos o mais parecidos possível com dentes naturais.

Os dentes em cerâmica foram conquistando popularidade nos anos 1800 e em 1903, Charles Land patenteou a criação de uma coroa total em cerâmica que substitui na totalidade toda a “cabeça” do dente.

hollywood smile

1938 – Shirley com o seu Hollywood Smile, criado por Dr. Charles Pinéus

Por fim em 1928, um dentista californiano chamado Charles Pincus criou as primeiras facetas dentárias depois de receber um pedido para mudar a aparência dos dentes de um ator. Esta invenção foi a verdadeira origem do famoso “Hollywood Smile”. Pincus passou a fazer facetas dentárias que eram coladas com um adesivo utilizado para fixar próteses dentárias, mas não duravam muito tempo. Na época este tratamento era perfeito para a indústria de Hollywood uma vez que as facetas só precisavam de durar o tempo das filmagens.

 

Foi então que os médicos dentistas se aperceberam do potencial que esta técnica trazia à reabilitação oral estética e começaram a trabalhá-la para a tornar mais duradoura.

Em 1959, o Dr. Michael Buonocore usou pela primeira vez a corrosão para unir as facetas de cerâmica aos dentes pós mais tempo.

Em 1982, os médicos Smonsen e Calamia descobriram uma maneira de aumentar a adesão usando ácido fluorídrico e resinas compostas para fazer essa união mais permanente.

hollywood smile

Hoje – Hollywood Smile, clinica Mint

Estes pequenos avanços em materiais e tecnologia levaram a que as facetas dentárias hoje em dia sejam extremamente finas e de alta qualidade.

Este tratamento pode durar entre 10 a 30 anos, dependendo do desgaste dentário e dos cuidados de higiene e mastigação que a pessoa tem.

Esta história é uma representação da evolução da medicina dentária estética e de todos os avanços mais significativos… é uma história de pessoas que inovaram e trabalharam para ajudar a construir os sorrisos dos outros, a brilharem mais e com mais intensidade.

 

Artigo em parceria para a Visão – Bolsa de Especialistas

error: Content is protected !!